quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Como se livrar do ardido da pimenta

Como tirar o ardor de pimenta?

Habaneros


Se você, chegou no blog através desta pergunta e quer saber como evitar a queimadura de pimenta, com pressa vá ao final do post. Pois vou contar minha história antes. =)

Está pergunta foi uma das que eu mais fiz este fim de semana, em francês, em inglês, em espanhol e em português, pois queria uma solução para o ardor de pimenta na pele, que me atacou as mãos. Vou contar a história...

Eu e marido adoramos pimenta, e volta e meia somos convidados pelos mexicanos para comer suas comidas tipicas ultra-apimentadas, já apresentamos também algumas de nossas comidas brasileiras bem apimentadas, um ótimo intercâmbio. 

Os mexicanos trazem sementes de vários tipos de pimentas e plantam durante a primavera e verão, sempre em busca das mais fortes, e no inverno eles compram nos supermercados latinos e asiáticos ou trazem em viagens. Pois bem, este bando de "malucos" comem pimentas puras e fazem inúmeros molhos de pimentas, um mais gostoso e FORTE, que o outro, eles classificam o molho como de criança, de adulto e de fã. Não preciso dizer, quão forte é o de fã, se o de criança já faz muito marmanjo pedir água.

Como um casal conhecido dos nossos amigos acabou de chegar com uma leva de pimentas, fomos convidados para ver a feitura de alguns molhos. E lá fomos nós, para um fim de semana cheio de pratos picantes e também para aprender fazer uns molhos novos e pimentas em conserva. Até ai tudo bem, foi ótimo.

Comemos, nós divertimos e por fim, fui para casa com um punhado de pimentas, que eu resolvi fazer um molho de pimenta que tinha aprendido lá, em casa. Aí começou meu erro, as amigas trabalharam o tempo quase todo de luva ou debaixo de água corrente, e eu não fiz isso, peguei as sementes na mão limpa, cortei, tirei as sementes e a placenta, aquela parte mais embranquecida de dentro. E segui, fazendo meu molho.

Uns 10 minutos depois, minhas mãos começaram a arder, e o ardor foi aumentando, aumentando, loucura, nem me toquei que era a pimenta e pensei que tivesse tocado em algo que me fez alergia. Resolvi lavar a mão, com bastante água e esfregando bastante. Primeiro erro, pois o ardor da pimenta é proveniente da Capsaicina, um elemento químico que não é facilmente disperso na água, e o ato de esfregar as mãos somente espalha mais o ardor pela mão.

Percebendo que o ardor só aumentava, o marido disse que não era alergia e sim a pimenta, nisso ele disse para usar azeite de oliva, pois a capsaicina é lipossolúvel, esfreguei a mão no azeite e senti uma leve melhora, mas logo voltou o ardor e o marido disse para novamente usar o azeite, só que dessa vez para pegar um vasilhame e colocar bastante azeite e ficar constantemente passando o azeite na mão. Fiz e realmente melhorava, mas era só parar que a dor voltava.

Molho de pimenta que ganhei dos mexicanos
Como não sou das mais pacientes, novamente larguei o azeite e corri para a internet, para achar algo mais rápido e fácil, para minha surpresa, a maioria das informações que achei sobre o assunto manda a pessoa, usar azeite, iogurte ou álcool para tirar a capsaicina, um elemento lipossolúvel que entranha na pele e pode passar dias, causando sensação de queimação, que pode ir e voltar. (estranho, mas a mais pura verdade, minhas mãos doeram uns três dias, principalmente quando vamos apertar algo, ou fazemos pressão com os dedos) 

Ok, informação lida, vamos aos testes, peguei o iogurte e passei, sensação agradável, bem geladinho, mas da mesma forma que o azeite, era só parar que o ardor voltava. Segunda tentativa, a vez do álcool, não sei se o azeite e o iogurte já tinham feito boa parte do trabalho, mas sei que após passar o álcool, realmente senti que melhorou o ardido, não que passou, mas ficou bem mais suportável, e não aquela coisa louca de querer arrancar o couro das mãos.

Ainda na net, vi que depois de tirar o máximo da capsaicina, devemos tomar um analgésico (coisa que não fiz), e untar a mão com creme contra assadura de bebê ou com hidratante.  


Resumo do que fazer e do que não fazer para se livrar da queimação da pimenta na pele:


1 - Use luvas para tratar pimentas (Dica simples e muito importante) kkkkkkkk

2 - Usar azeite, iogurte e álcool para tirar a capsaicina ao máximo da pele, um elemento lipossolúvel; (pode ser os três como fiz, somente um ou dois, o importante é a quantidade de produto e a insistência em limpar)

3 - Não tenha pressa na limpeza, se você não limpar direito o ardor poderá ser grave durante 2 à 5 horas, como de alguns relatos que li. (no meu caso, estava usando pimentas muito fortes, habaneros mexicanas extra fortes, e mesmo assim em aproximadamente 1 hora me livrei do pior, e nem usei analgésicos)

4 - Use um analgésico; (eu mesmo não usei, mas fica a dica)

5 - Depois do pior, unte a mão com creme contra assadura de bebê ou hidratante. (usei creme de assadura)

O que não fazer contra queimadura de pimenta:


1 - Lavar somente com água e sabão; (Não funciona, e ainda pode espalhar mais a capsaicina, então nada de esfregar muito as mãos. Eu sei que é quase impossível não fazer isso, mas devemos tentar...)

2 - Usar gelo. (Apesar de iludir com uma sensação de alívio, na realidade poderá piorar a situação realmente queimando a pele, e aumentando a sensação de queimação pelo aumento do afluxo sanguineo causado pelo frio.)

3 - Nada de usar café, xarope, mel, sabão em pó, açúcar, etc... Que o povo adora sugerir.


Veja também:

26 comentários:

  1. Menina, eu já vi cada queimadura química por causa de pimenta, é impressionante! Lembro de uma com Dedo de Moça, que é forte mas nem é das piores... A gente tava fazendo pratos baianos, tudo bem apimentado, cada um dando seu jeito para não botar a mão direto na pimenta, segurando com garfo, filme, sabe como é faculdade pública, não tinha luva. Só quem já tinha no case mesmo... E uma colega de classe resolveu que não precisava de nada disso, pegou com a mão mesmo, cortou, tirou semente, preparou. Quando acabou lavou a mão e disse que não sabe porque, coçou o rosto.
    A mão dela e o rosto foram ficando num vermelho vivo, ela chorava... Foi da aula direto pro hospital! 3 dias depois a mão a inda estava rosa... Receitaram uma pomada e analgésico.
    Não sei como tu conseguiu aguentar...
    Se cuida!
    Bjos
    Tereza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tereza,

      Pelo que andei lendo, cada pessoa tem uma resistência diferente em relação ao ardor da pimenta, o que faz ter gente que como bastante e cria mesmo resistência, enquanto outros nem podem sentir o cheiro. Assim, é na boca também. Acho que estou em um meio termo, não sou super resistente, mas estou longe de ser fraquinha. kkkkkkkkk
      O que fez eu sentir melhorar mesmo, foi o álcool, mas como disse já yinha usado quase uma garrafa inteira de azeite e um potão de 750ml de iogurte, então não sei se o álcool sozinho teria o mesmo efeito, ou se ele apenas terminou o serviço que os outros iniciaram.
      Bjos

      Excluir
  2. Não sei se eu me acostumei com a ardência, se o tempo tentando resolvê-la melhorou ou após uma série de tentativas acabou melhorando. Tentei de diversas formas, como leite, açúcar, azeite, óleo, álcool, óleo lubrificante, querosene, espuma de babear, saponáceo, loção pós barba, pasta de dente, listerine, mas nada resolveu, apenas no momento da aplicação melhorou um pouco. Um alivio maior eu senti quando passei leite, açúcar, álcool, saponáceo e loção pós barba, mas nada resolveu de imediato. A minha mão apenas ficou com ardência, sem nada de vermelhidão ou outras marcas! =)

    ResponderExcluir
  3. TKS. O seu resumo do que fazer para se livrar da queimação da pimenta na pele está perfeito, principalmente o item (3). No meu caso, depois de passar óleo e lavar bem por duas vezes, besuntei os dedos com pomada para assadura de bebê (dexpantenol) e deixei as mãos expostas ao ventinho do ventilador. Melhorou bem em cerca de meia hora. ABÇS.




    ResponderExcluir
  4. Bendito seja! Suas dicas acabaram de me salvar... rs
    Obrigado!

    ResponderExcluir
  5. Nossa! Obrigada! Também fui salva por seu blog. Usei o azeite e melhorou bastante. Outra dica maravilhosa foi usar chá de camomila frio (precisa ser frio), isso parece que exterminou a queimação. Mais uma vez obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa dica, após se livrar da capsaicina o chá de camomila gelado pode ser usado antes ou mesmo no lugar do hidratante ou creme contra assaduras.
      Anotado!
      Obrigada!

      Excluir
  6. Muito obrigada pela ajuda...meu filho de 3 aninhos queimou as mãos com pimenta malagueta que havia no jardim de um restaurante...mais depois das dicas do Blog aparente demonstra um grande alívio...muito obg

    ResponderExcluir
  7. Muito obrigada,seu Blog foi a salvação,estava fazendo um molho de pimenta sem proteger as mãos pois não sabia que ia arder tanto a pele,usei azeite, alcool e coloquei as mãos em agua gelada,aliviou bastante.

    ResponderExcluir
  8. olá..ontem me aconteceu isso fui fazer conservas de pimentas e fiquei tirando as sementes dentro de uma bacia para não desperdiçar agua.o que intensificou mais o poder da substancia da pimenta que queima...sempre fazia antes.. em agua corrente..mas quis agir ecologicamente rs rs..eu quase não suportei a queimação.Entrei no facebook pedi ajuda e recebi varias dicas..mas o que posso afirmar é que só consegui sair do desespero, qdo lavei as mãos com ALCOOL E ..e em seguida com DETERGENTE..melhorou na hora 90 % do ardor..FICA A DICA..E outra que depois me indicaram E GARANTIRAM...ser mto eficaz..seria LAVAR AS MAOS COM AÇUCAR ..eu aprendi a lição..nunca mais mexer em pimentas sem luvas....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Magda,

      O álcool realmente ajuda, para mim foi o melhor. O detergente pode até piorar, vai depender do tanto de água e outros produtos que você usou, lembre que a capsaicina é lipossolúvel, (quanto mais limpar, melhor), já o açucar, usei e não fez efeito nenhum.

      De qualquer forma, sobrevivemos para contar a história né! =)

      Excluir
  9. meu amigo negro cortou e limpou mais de quilo e não sentiu absolutamente nada, deve haver alguma explicação,mas até lá vou aproveitar sempre dele kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É cientifico mesmo, e a resposta é simples: existem pessoas mais resistentes que outras, a determinadas substâncias, e isso é indiferente da cor de pele.

      Então, esse seu amigo é dos super resistentes. (sortudo ele!)

      Essa resistência, existe para tudo, desde veneno até comidas ou bebidas, tem gente que tenta se matar, e simplesmente não consegue, no máximo passa mal, pois seu corpo é resistente ao composto químico do veneno.

      O contrário também existe, tem pessoas tão suceptíveis aos efeitos das substâncias químicas, que não podem ter omínimo contato sem passar mal ou mesmo correr risco de vida, e isso é comumente chamado de alergias... =)

      Excluir
  10. Respostas
    1. Sei bem como é, espero que esteja melhor já... E na próxima lembre de usar luvas, aquelas simples de plástico, que o povo usa para fazer comida na rua, servem bem, pois são baratas e totalmente descartáveis.

      Excluir
  11. Tive essa ideia hoje de usar azeite, pelo fato da capsaicina ser lipossolúvel. Fiquei um tempo esfregando e depois lavei com detergente. Sinceramente, piorou. Acho que, depois que a substância já penetrou na pele, somente aliviando a dor ou usando algo que extraia a substância de dentro, o que é praticamente impossível. Talvez o efeito dessas receitas que você citou sejam úteis mais no início, quando a capsaicina ainda não penetrou tanto.
    Uma boa dica que deixo, é consultar na internet e ler sobre o sofrimento de outras pessoas, pelo menos você se sente mais confortado compartilhando seu sofrimento. Já me sinto até melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo contigo, nesse momento percebi que o óleo só piora, nada melhor que submergir a mão na boa e velha água... passei 2 horas de martírio com esse papo de óleo, e isso só piorou a dor

      Excluir
  12. Fiz o que disseste, passei óleo, e o ardor ficou mais intenso e piorou: deve ser porque a capsaicina é lipossolúvel, e o óleo acaba se fundindo com essa, se espalhando mais e penetrando ainda mais na pele...
    A única coisa que resolveu um pouco foi deixar a mão submersa em água na temperatura ambiente... essa de passar óleo e qualquer coisa gordurosa, se não for sacanagem tua, é um grande equívoco... aprendi da pior forma possível, me matirizando com as mãos em "chamas".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lopeslr,

      De forma alguma, não desejo isso para ninguém, o que acredito que aconteça, é que cada pessoa tem uma sensibilidade diferente da outra, e apesar de você dizer que acha que não fez diferença. Pense, que poderia ter sido pior se não tivesse feito, sua sensibilidade pode ser das muito fortes.

      Abs...E se cuide!

      Excluir
  13. Muito obrigada!! Sério! Acabei de passar por um aperto. Resolvi picar umas 15 pimentas dedo de moça para deixar congeladas, pro dia a dia. Não senti nada nas mãos, mas um tempo depois (já lavei a louça, inclusive) cocei o olho. Canário, nunca senti uma ardência tão forte. Coloquei o rosto na água corrente e piorou. Vim caolha procurar no google e achei o blog, Passei bastante óleo de cozinha e aliviou bastante! Obrigadíssima!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, imagino como deve ter doido, no olho!!!
      Melhoras!

      Excluir
  14. Fica a dica se querem tirar o ardor da boca é só fazer um gargarejo com cachaça pois como ela e uma solução ácida neutraliza a basicidade dessa substância presente na pimenta que causa ardor intenso
    Source: Prof de Química

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...